Programas de Jogos de Terror (Editora Lutécia, 1984)

Já falei aqui no blog ou em algum vídeo que meu primeiro micro foi o MC-1000, da CCE. Logo em seguida, ganhei um MSX Expert, da Gradiente. Foi com eles que tive minhas primeiras experiências com programação. Foi no MC-1000, inclusive, que digitei minhas primeiras linhas de código. Encontrei semana passada em um sebo no Santana, bairro da Zona Norte de São Paulo, este que foi nada menos que o primeiro “livro” de programação que comprei (sem contar os manuais de BASIC que acompanhavam o MC-1000 e o MSX). Livro entre aspas, pois trata-se, na verdade, de um livreto de dezesseis páginas com listagens de jogos textuais em BASIC. Jogos esses, como podem observar, com a temática de terror.

Livro Programas de Jogos de Terror (Editora Lutécia, 1984) | MARIO CAVALCANTI

Como na época eu era um pré-adolescente, obviamente fui fisgado pela impactante capa de Programas de Jogos de Terror (Editora Lutécia, 1984). Qual jovem apaixonado por micros e games naquela época, em meados dos anos 80, não seria atraído por uma capa assim? Os jogos do livro eram simples, textuais mesmo, como os primeiros adventure games, e, assim como os títulos da época, uma boa ilustração de capa (vide os encartes das produções para Atari 2600 e Odyssey) compensava a simplicidade visual dos jogos e mexia com a nossa imaginação.

Livro Programas de Jogos de Terror (Editora Lutécia, 1984) | MARIO CAVALCANTI
Livro Programas de Jogos de Terror (Editora Lutécia, 1984) | MARIO CAVALCANTI

Uma das coisas que mais gosto nesse livro é que ele é, digamos, multiplataforma. As listagens contidas nele são compatíveis com micros (nacionais ou importados) das linhas ZX Spectrum, TRS-80, TRS-80 Color, Apple, MSX, PC, Commodore 64 e VIC-20.

Livro Programas de Jogos de Terror (Editora Lutécia, 1984) | MARIO CAVALCANTI

Como explica a introdução do livro, “a listagem principal de cada programa é para os micros da família TRS-80. As linhas que precisam ser mudadas para que funcione em outros computadores foram indicadas por símbolos, e as respectivas modificações aparecem no final de cada listagem”.

Livro Programas de Jogos de Terror (Editora Lutécia, 1984) | MARIO CAVALCANTI

Para completar, a obra traz ilustrações de terror baseadas nos temas de cada jogo, além de exibir em diversas páginas uma figura simpática — um esqueleto de gravata borboleta — que dá dicas e faz perguntas para atiçar a curiosidade do leitor.

Livro Programas de Jogos de Terror (Editora Lutécia, 1984) | MARIO CAVALCANTI
Livro Programas de Jogos de Terror (Editora Lutécia, 1984) | MARIO CAVALCANTI

Apesar de este livro já estar disponível no Datassette em versão PDF, não pude deixar de levar este exemplar, que se encontra em muito bom estado. Depois de tantos anos, o sentimento foi de profunda nostalgia.

Livro Programas de Jogos de Terror (Editora Lutécia, 1984) | MARIO CAVALCANTI

Em tempo: a mesma editora lançou outros livretos da mesma coleção: Programas de Jogos de Horror (aparentemente com o mesmo tipo de conteúdo do livreto que comento neste post) e Programas de Jogos de Espionagem.

Livro Programas de Jogos de Terror (Editora Lutécia, 1984) | MARIO CAVALCANTI